ACADEMIA - O DITO FORMAL

Não é o meu país/ É uma sombra que pende/

Concreta/ Do meu nariz/ Em linha
reta/Não é minha cidade/ É um sistema que invento/

Me transforma /E que acrescento/À minha idade/Nem é o nosso amor.
É a memória que suja / A história / Que enferruja o que passou

Torquato Neto -  CARNE SECA É SERVIDA

Geléia Geral no Tropicalismo

Sobre Geleia Geral

Torquato e seus contemporâneos